O caso das irmãs Dionne: uma das histórias mais bizarras e cruéis de todas




Nascidas no Canadá em 1934, as quíntuplas Annette, Émilie, Yvonne, Cécile e Marie Dionne foram exploradas pelo governo canadense e pela própria família desde a infância

Elzire Dionne entrou em trabalho de parto na noite do dia 18 de maio de 1934. À época, ela acreditava que estava grávida de gêmeos, mas com a ajuda de um médico e duas parteiras, Elzire deu à luz a cinco meninas em Ontário, no Canadá. As irmãs foram as primeiras quíntuplas a sobreviver ao parto, na época.

Annette, Émilie, Yvonne, Cécile e Marie nasceram prematuras e, juntas, pesavam pouco mais de 6 kg. Elas eram tão pequenas que cada uma cabia perfeitamente na palma da mão de uma pessoa adulta.

Leia mais…

…[+]

Leia o post original e completo em: MegaCurioso