Japão confirma movimentação na Coreia e alerta: “Eles vão atingir os EUA ou a Grã-Bretanha”




Uma das fontes, a agência Nikkei Reports , relatou que o movimento de uma das plataformas foi notado pela primeira na manhã de ontem (14).

Eles disseram que, de acordo com o tamanho, o equipamento é grande o suficiente para disparar um míssil balístico Hwasong-14 de classe ICBM, que tem uma faixa de alcance de mais de 6.200 milhas (10.000 km).

O Reino Unido está a quase 5,4 mil milhas (8690 km) da Coréia do Norte, enquanto os EUA estão a pouco mais de 3.500 milhas  (5632 km) de distância – colocando ambos dentro da faixa alvo de Kim Jong-un.

Leia a notícia completa