Como a internet deu uma forcinha e ajudou um caso de “paixão platônica”




Garota se apaixonou no trem, postou uma foto e arrumou um namorado

Que atire a primeira pedra quem nunca teve um amor platônico de 5 minutos. Pode ser no ônibus, a caminho do trabalho, durante uma prova ou até mesmo em um passeio no parque. Há alguns anos, não havia nada o que fazer a não ser contar com a sorte de encontrar a pessoa de novo por aí.

Mas, com a internet, a situação mudou – e eu nem estou falando de aplicativos como o “Happn”, que mostra as pessoas que cruzaram o seu caminho.

Leia mais…

…[+]

Leia o post original e completo em: MegaCurioso